“Bilhete Único Mensal só valerá a pena para 10% dos passageiros”

Dados atualizados obtidos pela Folha de São Paulo só confirmam a análise do Bilhete Mensal feita pelo MPL-SP (leia nosso texto aqui). Qual o sentido de gastar R$400 milhões (cerca de 60% do subsídio atual aos ônibus) para viabilizar uma tarifa mensal que só um décimo dos usuários pode pagar? Por que não usar o dinheiro público para impedir ou reduzir o aumento da tarifa comum?

Leia a reportagem da Folha (retirada daqui) na íntegra:

ANDRÉ MONTEIRO
DE SÃO PAULO

Se estivesse em operação hoje, uma das principais promessas de campanha do prefeito Fernando Haddad (PT), só valeria a pena para um a cada dez passageiros.

Pelas regras anunciadas, por uma tarifa de R$ 140 o usuário poderá usar livremente os ônibus municipais por 30 dias, contados a partir do primeiro uso. Assim, o bilhete mensal passa a compensar financeiramente para quem faz mais de 46 viagens por mês.

Segundo dados obtidos pela Folha por meio da Lei de Acesso à Informação, em março 419 mil realizaram mais de 46 viagens. O contingente representa 10% dos 4 milhões de passageiros pagantes -idosos e deficientes, por exemplo, estão isentos.

O Bilhete Único atual permite usar até quatro ônibus num período de três horas pagando tarifa de R$ 3.

O levantamento não considera integrações com metrô e CPTM, já que o Estado ainda não decidiu se o cartão mensal poderá ser usado nos trens.

O cadastro para o novo cartão começou no mês passado, e a previsão da prefeitura é que ele comece a funcionar em meados de novembro.

A tarifa prevista será recalculada, já que o bilhete unitário será reajustado no dia 1º. O novo valor ainda levará em conta as 46 viagens/mês.

PACOTE

“É uma iniciativa válida, mas o cartão servirá mesmo para quem é cativo dos ônibus, anda o dia todo. Quem não for vai pagar e se arrepender”, diz Horácio Augusto Figueira, mestre em transportes pela USP.

Alguns passageiros fazem os cálculos e dizem não se interessar pela novidade.

“Só vou e volto do trabalho, e ainda uso metrô. Acho que tinha de ser mais barato. Tudo que é vendido de pacote é mais barato”, diz a analista fiscal Carina Cardoso, 26.

Quem usa ônibus para ir e voltar do trabalho em dias úteis, por exemplo, gasta hoje R$ 132 por mês. Já quem faz três deslocamentos diários paga ao menos R$ 198.

É o caso da coordenadora de segurança Juliana Andrade, 26. Ela usa ônibus para ir ao trabalho, de lá para a faculdade e, depois, na volta para casa. “Uso muito e trabalho de domingo a domingo. Vou fazer [o cadastro] mais pra frente ou esperar minha empresa comprar.”

Para o especialista Figueira, seria preciso reduzir a tarifa ou implantar a integração com o metrô para atrair mais gente. “Mas isso requer cálculos complicados, pois teria que ver como fica o repasse ao metrô e ainda aumentar o subsídio”, ressalta.

A prefeitura estima que a implantação do bilhete mensal aumentará o subsídio ao sistema de transporte em R$ 400 milhões. No ano passado, as empresas receberam cerca de R$ 1 bilhão.

131371494

FRAUDES

No primeiro mês, cerca de 20 mil pessoas se cadastraram pela internet para receber o Bilhete Único Mensal -uma média de 28 por hora.
O novo cartão terá uma foto do usuário -o principal mecanismo previsto para evitar as fraudes.

“O uso por terceiros configurará crime de falsidade ideológica e tentativa de fraude contra o poder público”, diz o termo de uso.

6 Replies to ““Bilhete Único Mensal só valerá a pena para 10% dos passageiros””

  1. EU TENHO UMA DUVIDA POR EXEMPLO USO MEU BILHETE NO HORARIO DA MANHÃ E QUANDO VOU EMBORA NO HORARIO DA NOITE , VAI SER COBRADO DINOVO UMA CONDUÇÃO OU AQUELA QUE PASSEI DE MANHÃ AINDA ESTA SENDO VALIDA OU SEJA POÇO USAR O DIA INTEIRO APENAS VAI SER COBRADO UMA VEZ SÓ USO O DIA TODO OU SOMENTE 4 HORAS POR DIA GRATO AGUARDANDO RETORNO

  2. o bilhete mensal ta uma palhaçada ate o momento não podemos carregar, nem consegui falar com ninguem no 156, por que so chama e nada!

  3. Andressa, vai pagar mais sim, mesmo sendo o integrado…é só fazer as contas…no mês de fevereiro teremos 20 dias (seg. a sex.), então 20 x R$6 = R$120.
    Seremos obrigados a sair aos finais de semana para gastar os R$20 restantes, pois o saldo não acumula.
    Não podemos deixar isso ir adiante…

  4. Não Iris, você só pagará R$ 140,00 se for o integrado. A “novidade” (bilhete mensal)será de fato vantajoso para o estudante, pois ele pagará R$ 70,00 pela cota mensal (R$ 2,00 a menos que a normal, e não R$ 70,00 como você disse) e ainda poderá fazer quantas viagens quiser.

    Neste caso, os fracos estudantes não saíram em desvantagem, porém o bilhete mensal restringiu o acesso de quem não pode pagar por ele.

  5. Não Iris, você só pagará R$ 140,00 se for o integrado. A “novidade” (bilhete mensal)será de fato vantajoso para o estudante, pois ele pagará R$ 70,00 pela cota mensal (R$ 2,00 a menos que a normal, e não R$ 70,00 como você disse) e ainda porderá fazer quantas viagens quiser.

    Neste caso, os fracos estudantes não saíram em desvantagem, porém o bilhete mensal restringiu o acesso de quem não pode pagar por ele.

  6. Sou estudante e gasto cerca de R$70,00 por mês, serei obrigada a pagar 140? O Dobro do que gasto para poder utilizar o serviço?
    Que grande merda, tudo nessa cidade é mal planejado, os fracos sempre perdem!!!

    Revolução para os transportes públicos já. Quero mais protestos.
    O povo não é bobo.