Secretaria Estadual de Saúde ocupada!

Na manhã desta quarta-feira, cerca de 500 pessoas se reuniram em frente ao metrô Clínicas para uma manifestação “radical e impaciente” em defesa do SUS, convocada pelo Fórum Popular de Saúde de SP (clique aqui para ler nossa convocatória). Embalado pelos batuques rebeldes da Fanfarra do MAL, o protesto contou com o apoio ativo de militantes do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), da Frente de Comunidades em Luta “Periferia Ativa” e do Movimento Passe Livre SP. Do metrô, a marcha seguiu até a Secretaria Estadual de Saúde, que teve o saguão de entrada ocupado. Após uma negociação, se acordou a subida de uma comissão para apresentar nossas reivindicações diretamente ao secretário, desde que a Fanfarra parasse de tocar no interior do prédio.

481434_464739520269869_1125497484_n

Ao final do ato, um jovem militante do MTST foi detido pela Polícia Militar. A manifestação seguiu em marcha até a delegacia, exigindo por sua liberação.

Segue abaixo frente e verso do panfleto distribuído pelo MPL no ato de hoje, articulando as lutas contra a privatização da saúde e do transporte:

Panfleto Saúde capa corrigida2 Panfleto Saúde texto corrigido

2 Replies to “Secretaria Estadual de Saúde ocupada!”

  1. Que bom que o MPL se abriu a outras pautas além das tarifas…
    Não é hora de retroceder a potência iniciada pelos transportes.
    Isso seria infantil e egoísta. É hora de selecionar pautas e fortalecer movimentos de esquerda! Parabéns a todos!

  2. Quanto á Saúde, não consigo entender porque o Ministério Público permitiu a entrada das OSSs, onde os médicos ganham muito bem, aprox 12.000,00 e não sabem nada de saúde pública, são médicos de outras especialidades, que não resolvem os problemas da população e isso é ilegal, pois deveriam ser generalistas, oras quando neste paíz nem temos médicos que queiram atender a população carente, não tem vínculo, ficam uns meses e deixam o povo a ver navios, que Sistema é esse?? A Saúde tem que voltar para o controle da Prefeitura, com médicos concursados, competentes e em especialidades básicas, clinicos, ginecos e pediatra. Essa é uma questão sérissima, estamos falando de saúde e o que fazemos sem ela? As OOSs, visam lucro e tem gente da administração tb lucrando a custa do adoecimento do povo humilde. Vamos lá bater nessa tecla e cuidado para não se perder, tem muita gente querendo derrubar, atenção parabéns

Deixe uma resposta