Protestos na M’Boi Mirim no primeiro dia do aumento

Na manhã desta segunda-feira, cerca de cem pessoas bloquearam a Estrada do M’Boi Mirim, zona sul de São Paulo, em protesto contra o aumento das tarifas de ônibus para R$ 3,20 e as péssimas condições do sistema de transporte na região. A manifestação, organizada pelo MPL em conjunto com outros militantes da região, teve início por volta das 6h da manhã em frente ao Terminal Guarapiranga e seguiu ocupando a via em direção à Subprefeitura com faixas e ao som dos tambores da Fanfarra do MAL.

Mais cedo nesta manhã, moradores realizaram outro protesto, bloqueando a M’Boi no Fundão (altura da ponte do rio M’Boi Mirim) com pneus em chamas e escreveram no asfalto “R$3,20 não”.

A M’Boi Mirim é uma das regiões com maior congestionamento da cidade e que concentra o maior número de usuários do transporte coletivo, mas devido às péssimas condições de mobilidade, boa parte dos moradores é forçado a caminhar longas distâncias a pé diariamente. Desde 2008, a população local realizou pelo menos 11 manifestações exigindo melhorias no transporte, como a duplicação da Estrada até a divisa e a extensão da Linha 5 do metrô até o Jd. Ângela. É por isso que hoje, no primeiro dia do aumento, a população deu seu recado: é um desrespeito com o povo cobrar mais caro por um serviço ainda tão precário!

protestoonibusmboimirim-luizclaudiobarbosafut3
ato

 

N_074556321222
ato MPL

 

mboi-frentejpg
Panfleto distribuido no ato

 

178066_525556617500594_1221749164_o
protesto de moradores no fundão
941935_525559697500286_1826143188_n
protesto de moradores no fundão

One Reply to “Protestos na M’Boi Mirim no primeiro dia do aumento”

  1. Gostaria de parabenizar o movimento pela iniciativa e que está conscientizando o povo brasileiro do seu poder. Também é importante que se convoque o povo para participar do movimento, para que cada vez mais engrosse o numero de participantes.

    Precisamos que cada vez mais, as pessoas que lideram o movimento, façam com que outras pessoas apareçam como lideres para que quando houver qualquer interferência da policia ou outros órgãos que não estão satisfeitos com a mudança que acontecerá através desta iniciativa, não possam prejudicar a liderança. Melhor, os lideres são todos, o povo, se quiserem prender, tem que prender todos.

    Vamos cantar a musica do Geraldo Vandré, é chegado o momento, a hora é esta, vamos embora fazer a nossa história.

    Também podemos cantar a musica, Brasil mostra a sua cara, quero ver quem paga ….

    Desta forma acredito que as pessoas se envolvam mais ainda, juntamente com o hino nacional.

    Bom, demais, estarei participando também, nas próximas manifestações.

    Vem vamos embora, que esperar não é fazer, quem sabe faz a hora, não espera acontecer.

    Brasilllllllll